25.07.2018
Avaliação 
Avalie
 
Sem votos
Avaliar
A cozinha externa é uma opção confortável e cheia de personalidade (Projeto: BCP Engenharia)

Cozinha externa: Projetos para se inspirar + recomendações técnicas

minutos de leitura
Quais elementos não podem faltar nesse tipo de ambiente? Conversamos com uma designer de interiores que nos deu dicas preciosas de como organizar e decorar o espaço. Neste artigo, você confere as principais características que precisa observar no seu projeto.
minutos de leitura

A cozinha externa é um espaço acolhedor e pode ser muito versátil se for planejada da maneira correta. Esse local pode proporcionar um momento gostoso com a família e amigos, estejam eles apenas conversando e comendo alguns petiscos enquanto aguardam o prato principal, ou curtindo na piscina enquanto conversam com quem está preparando os alimentos.

O melhor de tudo é que, além de ser um local aberto e mais arejado, esse tipo de ambiente permite que moradores e convidados transitem livremente entre a área de lazer e a cozinha sem se preocupar em molhar o piso ou até escorregar. Se você tomar os devidos cuidados no momento de projetar o espaço, todos poderão aproveitá-lo sem complicações.

Continue a leitura e inspire-se com projetos que nós, do Archtrends Portobello, separamos para cozinhas externas de diferentes tipos, além de aproveitar as melhores dicas para quem deseja criar um ambiente como esse.

5 projetos de cozinha externa para se inspirar

Independentemente se você deseja uma cozinha externa simples ou algo mais elaborado, é importante ter um ponto de partida para idealizar o projeto. Para te ajudar nisso, separamos 5 inspirações de ambientes elegantes, funcionais e cheios de personalidade.

Conheça agora as referências que listamos!

Cozinha externa simples

Projetos minimalistas ou com um estilo clássico podem escolher incrementar a residência com uma cozinha externa simples. Mesmo que este espaço seja um diferencial, ele não destoará do visual do resto da casa e manterá a harmonia com os demais elementos.

Escolher montar um local simples para o preparo dos alimentos fora da parte central da casa não quer dizer que precisará abrir mão da elegância em sua cozinha planejada. Mantenha apenas o essencial no projeto, cuide para aproveitar todos os espaços disponíveis e escolher uma mobília inteligente que facilite a realização das tarefas.

Cozinha externa com estilo clássico e minimalista com mesa de madeira e cadeiras pretas
Uma cozinha externa simples traz uma dinamicidade para o projeto (Projeto: Thais Schiavo)

Você pode incluir uma mesa de jantar completa ou apenas adicionar uma bancada maior para oferecer um local confortável para que seus convidados possam fazer suas refeições. E não deixe de pensar nos assentos que vão compor esse ambiente, pois eles fazem toda a diferença para o conforto e comodidade de quem está utilizando a cozinha.

Para não errar na escolha, aproveite nosso conteúdo sobre cadeira para bancada da cozinha, por lá, te damos as melhores dicas sobre o tema!

Cozinha externa com churrasqueira

Uma cozinha externa com churrasqueira é a escolha ideal para quem deseja deixar o espaço ainda mais versátil. Independente se quiser preparar um churrasco, ou uma refeição mais simples, você terá à sua disposição todos os equipamentos que precisará para cozinhar.

Como esses ambientes são bem arejados, não terá problemas com a fumaça da churrasqueira incomodando quem estiver aproveitando o churrasco. No entanto, evite deixar peças estofadas próximas a esse local, para evitar que elas se engordurem e fiquem manchadas com o passar do tempo.

A decoração rústica é uma ótima opção para ambientes como esse, pois evoca ainda mais fortemente o aconchego e conforto que um churrasco de fim de semana necessita. As peças de madeira podem ser usadas na mesa, nas cadeiras e até nos armários, e para combinar com elas, as bancadas e pisos podem ser feitos de madeira em porcelanato. Essa escolha garantirá maior durabilidade e preservação dos elementos de sua cozinha.

Cozinha externa rústica com elementos em madeira, churrasqueira e jardim vertical
A cozinha externa rústica permite um momento de descontração em um ambiente acolhedor (Projeto: Bibiana Menegaz)

Cozinha externa com lavanderia

Em alguns casos, pode ser uma boa oportunidade aproveitar a construção da cozinha externa (e seus pontos hidráulicos) para incluir uma lavanderia. Ainda, em apartamentos, é comum nas plantas mais recentes que a varanda acomode cozinha e lavanderia.

O ideal é manter os diferentes usos desse local bem separados, com os elementos da cozinha posicionados de um lado e a lavanderia ou área de serviço na parede oposta. Uma boa saída para realizar essa divisão são os projetos de marcenaria.

Você pode ainda fazer com que a decoração também represente essa diferença de uso do ambiente. Os revestimentos podem ser de cores complementares, ou ter uma diferença de tons que acentue essa divisão. É claro que essa “brincadeira” com os elementos do espaço deve ser feita sempre pensando no estilo escolhido para o projeto como um todo, mas optando pela combinação certa você não arriscará desarmonizar com o restante da residência.

Cozinha externa com armários embutidos e área de serviço integrada
Unir a cozinha externa com a lavanderia é uma ótima forma de otimizar o ambiente (Projeto: Flavio Machado)

Saiba mais sobre como pensar em sua área de serviço planejada com as dicas que separamos sobre o assunto!

Cozinha gourmet externa

As cozinhas gourmet trazem acessórios gastronômicos não tão presentes nas cozinhas de uso diário, como fogão a lenha e forno de pizza, para experiências verdadeiramente gourmetizadas. Quando esses ambientes são na área externa da casa, é possível até incluir mais elementos do que teria caso fosse na parte interna da casa. Afinal, normalmente as cozinhas externas possuem um espaço maior e você poderá utilizá-las de maneira mais diversa.

Nesses casos você pode escolher incluir uma mesa de jantar com mais lugares para que os moradores de sua casa ou seus convidados possam se acomodar confortavelmente, mas complementar o ambiente com uma bancada própria para quem deseja ficar mais próximo ao cozinheiro ou quer fazer refeições rápidas.

As bancadas de madeira para cozinha são opções muito procuradas e ficam lindas em projetos de ambientes gourmets. Elas podem, inclusive, servir de apoio para o cooktop e para o preparo de alimentos de um lado, e ter o local reservado para as refeições do outro.

Cozinha externa gourmet com espaço para descanso, bancada em L e pergolado de madeira
A cozinha externa gourmet cria um espaço sofisticado e confortável para aproveitar fora de casa (Projeto: Frederico Bicalho)

Cozinha integrada com a área da piscina

Como citamos antes, uma das possibilidades da cozinha externa é ser integrada com a área da piscina. Essa alternativa dá mais liberdade para quem está se refrescando poder transitar até a geladeira ou fazer suas refeições sem se preocupar com molhar toda a casa.

Um ambiente desse tipo pode ter um visual mais despojado, sem perder de vista a estética adotada para o projeto. Outro ponto de atenção é que precisará utilizar pisos que sejam resistentes à água, mas que não sejam escorregadios – a melhor opção é o porcelanato externo. Dessa maneira, você poderá evitar acidentes e proteger as pessoas que ama.

Você pode ainda escolher combinar os elementos da área de lazer com piscina com as peças de sua cozinha, aumentando ainda mais a percepção de integração entre os dois locais.

Cozinha externa com estilo rústico e piscina em pedra natural
Una a área de lazer e a cozinha externa cria um grande espaço de descontração (Projeto: Heignne Jardim)

Recomendações para projetar sua cozinha externa

Como você viu, existem cozinhas externas de diferentes tipos que podem ser incluídas em um projeto moderno e funcional. No entanto, mesmo que cada uma das opções tenham suas particularidades na decoração, existem algumas recomendações que podem ser aplicadas em todos os casos.

designer de interiores Maisa Muiños fez parte da elaboração dessas dicas para quem está pensando em ter uma cozinha externa em sua casa. Veja as orientações!

1. Preste atenção às diferenças entre cozinha interna e externa

Uma cozinha externa pode ter vários pontos em comum com um ambiente interno — os elementos básicos, como bancada e mesa, com certeza se repetem nas duas. No entanto, o uso que os clientes pretendem fazer desse ambiente torna as duas opções algo completamente diferente.

Normalmente, a pessoa quer a cozinha externa para receber e interagir com os amigos no final de semana. Isso exige vários elementos extras, como uma mesa maior do que são normalmente colocadas em cozinhas internas. Essa atenção a mais com os locais para se sentar se repete na inclusão de uma bancada para que os usuários possam se sentar e acompanhar a preparação da refeição. Afinal, como é um local para ser usado principalmente em fins de semana, é normal que a família e amigos queiram todos ficar próximos conversando.

Cozinha com bancada em formato de ilha ao lado de grande piscina
Aproveite momentos com seus amigos e família em uma cozinha externa (Projeto: Paula Martins)

Outra diferença é que nas cozinhas internas, feitas para serem usadas todos os dias, é necessário que os eletrodomésticos e os armários sejam de um tamanho compatível para armazenar tudo o que precisará na rotina. No entanto, nas cozinhas externas essas peças podem ser menores, pois é um local que será utilizado apenas em ocasiões pontuais.

Nesse segundo caso o projeto pode ser feito mais adaptado a necessidade de cada cliente — alguns, preferem um forno iglu, às vezes não querem uma churrasqueira, mas desejam uma adega seca ou climatizada, por exemplo.

2. Lembre-se da beleza, mas não se esqueça da funcionalidade

Não adianta ter um ambiente bonito se as pessoas não vão conseguir utilizá-lo à vontade, não é? Em uma área externa, especialmente se ela tiver piscina, isso deve ser um ponto de atenção importante para qualquer arquiteto ou morador que está sonhando com um projeto com esse espaço.

Escolha uma mobília inteligente que te permita aproveitar cada canto do ambiente da melhor forma possível. Como estamos falando de um lugar para aproveitar com amigos em datas especiais, mais do que nunca é preciso tomar cuidado para que aquele momento de lazer não se transforme em um aborrecimento.

Busque materiais que se encaixem no que você deseja esteticamente para o ambiente, mas considere também se são fáceis de limpar e têm uma boa resistência à umidade, calor ou desgaste. Se optar por peças naturais, como mesas de madeira, preocupe-se com os cuidados para impermeabilizar esse elemento. Caso contrário, acabará perdendo as peças com pouco tempo de uso.

Essa preocupação deve ser mantida ao escolher banquetas ou cadeiras para sua cozinha, pois o tecido do estofamento pode não ser ideal para aguentar a exposição às mudanças no clima. Por isso, prefira peças adequadas para serem usadas na umidade ou ainda que não possuam estofamento.

Cozinha externa com decoração colorida e mesa de madeira, e piscina
É possível unir beleza e estilo com peças funcionais em sua cozinha (Projeto: Aercio Santiago)

3. Incorpore o ambiente externo aos elementos do projeto

Outra dica é incorporar o ambiente ao redor na sua obra, uma forma de fazer isso é incluindo áreas verdes no projeto da cozinha de maneira que pareça que é uma continuação das partes naturais do quintal. Você pode também optar por revestimentos que reproduzam madeira ou pedras naturais, caso a parte externa à cozinha também tenha esses materiais.

Isso não significa que toda cozinha externa precisa ter uma decoração rústica, é possível integrar os ambientes com elementos naturais misturados a peças que trazem um toque contemporâneo à composição, como equipamentos em aço inox ou vidro.

E se desejar levar partes da cozinha para fora, uma boa opção é criar uma pequena horta ao lado desse ambiente para que tenha sempre à mão os temperos que precisará para preparar as refeições. Essa ideia te ajudará a ter mais produtos orgânicos em seu prato, a criar novos hobbies e ainda a ter mais opções para adicionar à sua comida sempre que quiser.

Cozinha com estilo natural com mesa de madeira, bancada ilha e decoração de plantas
Adicione revestimentos de pedra natural e plantas para trazer o ambiente externo a sua cozinha (Projeto: Victor Romansini)

4. Valorize a luz natural, mas cuidado com a incidência do sol

Já que estamos falando sobre o ambiente externo, você deve estar pensando em toda a iluminação natural que uma cozinha externa pode receber. As portas de vidro são excelentes opções para aproveitar a luz do dia, mas proteger quem estiver no ambiente do vento que pode incomodar tanto na hora de cozinhar quanto na de comer.

Por isso, verifique bem qual a posição do sol em relação à construção para decidir qual o melhor local para incluir uma cozinha externa em seu projeto. Caso a incidência solar for muito forte durante todo o dia, você pode abrandar o sol com toldos, pergolados ou mesmo com a plantação de uma árvore.

Cozinha com decoração em madeira clara e revestimento branco
A luz natural é uma grande vantagem na cozinha externa (Projeto: Estúdio LF Arquitetura)

Quais pisos e revestimentos utilizar na cozinha externa?

Ao escolher um piso para cozinha externa é preciso pensar em diferentes fatores como:

  • Resistência à água;
  • Durabilidade;
  • Quão escorregadia a peça é;
  • Facilidade para limpeza;
  • Compatibilidade estética com o restante do projeto.

Sendo assim, a melhor escolha para pisos e revestimentos desse tipo de ambiente e qualquer outro espaço externo é o porcelanato natural, com acabamento natural se houver cobertura, ou externo se for totalmente descoberto. Esse material cerâmico possui alta durabilidade, não se desgasta facilmente com o uso frequente, tem resistência ao calor e à água, e ainda não é escorregadio – o que faz total diferença em locais próximos a piscinas ou que podem acabar molhados pela chuva.

Bancada em formato ilha em porcelanato escuro com banquetas de madeira e vaso de plantas
O porcelanato pode ser usado no piso, paredes e bancadas (Projeto: Zeze Bucchalla e Tany Rosa)

Outra vantagem do porcelanato como revestimento para cozinha externa é sua grande variedade estética. Você pode encontrar peças de porcelanato natural que reproduzem madeira, mármore, pedras naturais e muitos outros elementos. Ainda é possível escolher entre visuais abstratos e coloridos, caso essa seja a aparência que quer para seu projeto.

Com todas essas informações sobre cozinha externa, ficará bem mais fácil decidir como incluir esse ambiente em seu projeto, certo? Aproveite outros conteúdos aqui no Archtrends Portobello para aprender mais sobre os melhores revestimentos e dicas de arquitetura!

Compartilhe
Avaliação 
Avalie
 
Sem votos
VOLTAR
ESC PARA FECHAR
Minha avaliação desse conteúdo é
0 de 5
 

Cozinha externa: Projetos para se inspirar + ...

  Sem votos
minutos de leitura
Em análise Seu comentário passará por moderação.
Você avaliou essa matéria com 1 estrela
Você avaliou essa matéria com 2 estrelas
Você avaliou essa matéria com 3 estrelas
Você avaliou essa matéria com 4 estrelas
Você avaliou essa matéria com 5 estrelas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Não perca nenhuma novidade!

Assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades de arquitetura e design no Brasil e no mundo.

    O Archtrends Portobello é a mais importante fonte de referências e tendências em arquitetura e design com foco em revestimentos.

    ® 2023- Archtrends Portobello

    Conheça a Política de Privacidade

    Entenda os Termos de Uso

    Veja as Preferências de Cookies