28.02.2022
Avaliação
0
(0)
Entrada principal do hospital sustentável será complementada com um jardim que acabara de ser plantado (Foto: Ana Luiza Camargo)
0

Conheça Isala, um projeto de hospital sustentável e acolhedor

Projetado pelo escritório holandês Vakwerk Architecten, saiba mais sobre o hospital sustentável Isala, um projeto inovador.
minutos de leitura

Sabemos que visitas a hospitais, normalmente, não são tão desejadas e que o ambiente hospitalar não é lá dos mais agradáveis, certo? Mas e se um projeto de arquitetura pudesse melhorar esse estereótipo de ambiente, trazendo mais conforto, acolhimento e, de quebra, ser um projeto de hospital sustentável?

Isso mesmo, um espaço hospitalar aconchegante e amiga do meio ambiente!

O hospital Isala, projetado pelo escritório holandês Vakwerk Architecten, conseguiu atingir esse objetivo e está em fase final de construção. Nós fomos lá conferir esse projeto incrível de perto para dividirmos todos os detalhes com os nossos leitores, confira a seguir!

Vista do telhado verde do hospital Isala (Foto: Ana Luiza Camargo)

Segundo o escritório Vakwerk Architecten, o objetivo principal desse projeto foi em criar um 'ambiente de cura' , que ajudasse os pacientes a se sentirem melhores em um ambiente rodeado pela natureza, reduzindo ao máximo o nervosismo e estresse que as pessoas normalmente sentem em um ambiente hospitalar.

Algumas das estratégias utilizadas pelos arquitetos para atingirem esse objetivo foram:

  • O uso de materiais mais 'quentes' e cores vivas, quebrando o estereótipo de que hospital deve ser todo branco;
  • Iluminação com lâmpadas mais quentes em determinados lugares;
  • Várias aberturas de janelas na fachada que trazem a natureza ao redor para dentro do edifício, além de trazer mais iluminação natural
  • Facilitar o 'wayfinding' para que o paciente e visitante consigam facilmente se localizarem dentro do hospital;
  • Uma entrada receptiva e acolhedora com muitos bancos estrategicamente posicionados para os momentos de descanso, entre outras.
Restaurante localizado próximo a recepção do hospital (Foto: Ana Luiza Camargo)
Entrada principal do hospital sustentável será complementada com um jardim que acabara de ser plantado
(Foto: Ana Luiza Camargo)
Abertura Zenital na entrada do hospital ajuda a trazer mais iluminação natural para o interior do edifício
(Foto: Ana Luiza Camargo)

Está cada vez mais comprovado que a iluminação natural e a vista para a natureza ajuda, significativamente, no conforto dos pacientes no hospital.

Quando os arquitetos receberam a proposta de realizar esse projeto na região de Reestdal, uma área com muita vegetação e natureza, não pensaram duas vezes em tirar proveito dessa paisagem trazendo o verde para dentro do edifício através de suas grandes janelas.

Realmente, esse é um detalhe que fez toda a diferença nesse projeto, as janelas rasgam a fachada de uma forma incrível, aproveitando o máximo de abertura possível e emoldurando a paisagem.

Um dos corredores do hospital é colorido, com piso que reproduz a madeira e porta dupla de vidro ao fundo (Foto: Ana Luiza Camargo)
Grandes janelas que emolduram a paisagem de fora e trazem iluminação natural para dentro do edifício (Foto: Ana Luiza Camargo)

Um grande diferencial da arquitetura do escritório Vakwerk Architecten é o contato constante com o cliente e os usuários do edifício durante todo o processo de criação e todas as fases do projeto.

O olhar ao próximo e a empatia é muito valorizado em todos os projetos realizados por eles, eu diria que eles se destacam por criarem uma arquitetura humana, empática e com uma postura humilde.

Durante a realização desse projeto, inúmeras reuniões e workshops foram realizados com todos os envolvidos para que, juntos, pudessem desenvolver o melhor projeto de hospital sustentável possível.

Uma curiosidade é que os arquitetos sugeriram uma montagem de maquete em escala real 1:1 feita em papelão dos caminhos e rotas projetados para testarem em 'vida real' se o projeto estaria adequado para acessibilidade de cadeira de rodas e camas hospitalares.

Detalhe do piso personalizado feito em Terrazo com alguns pontos de detalhes com temas de folhagens (Foto: Ana Luiza Camargo)
Vista desde o corredor de um dos quartos de tratamento (Foto: Ana Luiza Camargo)

Em relação à sustentabilidade, será o primeiro hospital da Holanda que proverá energia 100% elétrica, não utilizando gás e reduzindo as emissões de CO2!

Além disso, possui coberturas verdes que funcionam como tetos climáticos e todo o sistema de instalações foi cuidadosamente estudado para ser um exemplar modelo de hospital sustentável.

Esperamos que o futuro acolha muito mais projetos de hospitais como esse!

LEIA MAIS EM: BlueCity: uma transformação sustentável

Compartilhe
Em análise Seu comentário passará por moderação.
Você avaliou essa matéria com 1 estrela
Você avaliou essa matéria com 2 estrelas
Você avaliou essa matéria com 3 estrelas
Você avaliou essa matéria com 4 estrelas
Você avaliou essa matéria com 5 estrelas
Sua avaliação

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Ana Luiza Camargo
Colunista
Correspondente internacional

Correspondente internacional Archtrends Portobello em Roterdã, na Holanda. Arquiteta e Urbanista, mestre em arquitetura...

Conhecer artigos



Não perca nenhuma novidade!

Assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades de arquitetura e design no Brasil e no mundo.